terça-feira, 7 de novembro de 2017

Android 10 anos

Nessa semana comemora-se 10 anos do lançamento do Android. Em 2007 despontavam-se no mercado os sistemas da Microsoft, Nokia, Symbian e Apple que subestimaram o Android como concorrente.

O Google estava por trás do lançamento, fomentando a tecnologia por trás desse sistema que buscava uma experiência muito melhor das diversas plataformas disponíveis no mercado. Como todos sabem, o IOS (sistema operacional desenvolvido pela empresa de Steve Jobs) é um sistema fechado, ou seja, não é possível que outros desenvolvedores criem ou modifiquem o sistema do Iphone.
Apesar das críticas do Iphone, o sistema mantém uma operacionalidade única para seus usuários, gabando-se da segurança de seus aparelhos.

Como prefiro o Android e, por ver diversos pontos negativos do Iphone para o usuário aqui no BRASIL, vejo que o sistema Android foi bem sucedido ao deixar sua plataforma livre para que outros desenvolvedores criassem aplicativos que fossem compatíveis com essa plataforma. Além disso, com a conta Google vinculada, conseguimos fazer um backup muito rápido de todos nosso contatos e diversas fotos que estavam num aparelho velho por exemplo.

Posso falar por experiência própria, seguindo minha opinião de que o sistema puro do Android nos telefones celulares é muito melhor para a experiência dos usuários. Como coloquei meu celular para consertar semana passada, tive a experiência de utilizar o sistema ultrapassado da Nokia, o Windows Phone.

Aqui no Brasil, não vejo vantagem das pessoas terem um IPHONE. Tirando a experiência única de ter um sistema "redondo" como esse, elenco alguns pontos negativos que dificultam a vida dos usuários aqui, tal como: carregador diferenciado, fone de ouvido diferenciado, Bluetooth não compatibiliza com Android e o próprio preço do aparelho. Sem falar nas pessoas que tem um Iphone, já conheci muitas, que não possuem internet no celular ou que querem "economizar dados" e ficam impossibilitadas de passar arquivos via Bluetooth (sabendo que isso é ultrapassado). Além dos carregadores e dispositivos caros que os usuários não querem pagar, acabam por utilizar carregadores velhos e remendados ou comprar os piratas disponíveis no mercado paralelo. Como falei antes, estou fazendo uma contextualização no BRASIL, com certeza para quem é americano a experiência é diferente.

Para termos uma noção em nível de utilização dos aparelhos no mercado mundial a distribuição é a seguinte:

Android: 86,2%
iOS: 12,9%
Windows: 0,6%
BlackBerry: 0,1%
O resto: 0,2%

Por fim, achei interessante a nova propaganda da Samsung que tira sarro do Iphone, fazendo uma alusão para que você "cresça" e compre um Samsung, achei a propaganda ótima.
Por fim, vejo que, por possuir um sistema que tende a ter muito mais aplicativos e sincronização mais eficiente (já ouvi comentários do tipo: mais eu sincronizo meu Iphone com meu Ipad, pois bem, mas você precisa ter um Ipad correto?), prefiro apostar no crescimento do Android na facilitação da vida do usuário brasileiro.

3 comentários:

  1. Se me permite, discordo !! Eu gosto do IOS, foi muito bem pensado para os usuários simples, com poucos toques por exemplo você restaura tudo de um iphone para outro por exemplo, o Android puro de fato é bem melhor, mas poucos fabricantes o fazem, carregando o sistema com aplicativos inúteis, de tempos em tempos o Android dá engasgadas que só é resolvido com a formatação/restauração de fábrica (deja vu com o Windows rsrs). Sendo de TI sei que o Android lhe dá muitas possibilidades, mas como usuário que sou, mesmo sendo da área de TI, prefiro ter a segurança e estabilidade do IOS.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grande Stifler, obrigado pela opinião. Apesar da estabilidade do IOS, vejo que o custo benefício dele, na minha opinião, é pouco favorável, pois poucos conseguem, facilmente, comprar um celular deste nível e qualidade. O preço se encontra bastante defasado quando comparamos com outros modelos do mesmo padrão. Grande abraço

      Excluir
  2. Deletei por engano um comentário, peço perdão.

    ResponderExcluir